Animais Fantásticos 23# – Ciclopes

Bem, sim, o post dessa semana está atrasado… mas eu avisei… De qualquer forma, uma prova de biologia com um resultado não muito agradável esgotou boa parte do meu estoque de piadinhas quebra-gelo… E uma prova de história com um resultado muito agradável renovou uma pequena parte disso. Então, comecemos.

Não, eu não me refiro ao mutante que faz parte dos X-men. Ciclopes são umas criaturinhas que podem ir de adoráveis gigantes de um olho só à monstros de quase 5 metros com sede de sangue. Isso varia de autor para autor, mas sua versão original da mitologia grega se aproxima um pouco mais da segunda opção.

Descritos originalmente como imortais, eles supostamente trabalhavam na oficina de Hefesto forjando os raios que Zeus usava em combate (Quase 100% das vezes o combate era contra os Titãs).

A origem dos ciclopes varia entre dois tipos: Os Urânios (Filhos direitos de Urano e Gaia, assim como Cronos) que seriam os mais poderosos e mais experientes ferreiros que já existiram. Após os três deuses originais vencerem os Titãs e os trancarem no Tártaro, os Urânios deram a estes três presentes: Zeus ganhou seus poderosos raios, Poseidon ganhou um tridente capaz de controlar tempestades e criá-las em qualquer lugar do mundo e, por fim, Hades ganhou seu Elmo do Terror que lhe permitia ficar invisível.

Os Sicilianos (Filhos de Poseidon com monstros, geralmente) que viviam na área sudoeste da Sicília. Ao contrário dos Urânios, eles eram completamente odiados pelos deuses sendo “exilados” e sendo forçados a começarem sua própria sociedade nômade e selvagem que atacava hortas, pomares e vilas em busca de comida, sendo que algumas vezes chegavam até mesmo a comer carne humana. Naturalmente, eles viviam em guerra contra os humanos sendo muitas vezes mortos em contos heroicos da época. E um detalhe interessante: Homero disse que nem todos os ciclopes Sicilianos possuíam apenas um olho, sendo garantido apenas que seu líder Polifemo tinha um único olho.

Outra versão dos Sicilianos, que eu achei bom começar outro parágrafo apenas para mostrar o quanto são diferentes, é uma mais “educada” e que trabalhava na forja de Hefesto fazendo armas e “acessórios” para os demais deuses. Foi dito que eles eram tão fortes que as populações da Sicília e dos países vizinhos eram capazes de ouvir sempre que estes batiam com seus martelos ao trabalhar na forja.

Ambas as versões dos ciclopes Sicilianos são, de longe, as mais conhecidas dentre a mitologia e, autores que tendem a não se apegar muito à exatidão da mitologia grega acabam por reconhecê-las como as únicas versões de ciclopes existentes. E, dentre os que só aceitam uma versão, é preferível a primeira.

Os ciclopes nos livros – (Existem spoilers abaixo, então, cuidado e veja a capa antes dos livros pra saber até onde você precisa ter lido)

Percy Jackson – Sendo provavelmente o único ator atual conhecido que usa os ciclopes com frequência, Riordan lhes deu uma atenção especial nessa série. Os ciclopes são dados omo soldados e filhos de Poseidon, também trabalhando normalmente na forja de Hefesto criando as armas dos deuses (E de alguns semideuses de grande importância, também.). O irmão de Percy, Tyson, é um ciclope “bebê”. Apesar de ainda ser uma criança e não ter, nem de longe, atingido seu tamanho total ele já apresenta as habilidades naturais dos ciclopes: uma incrível habilidade na criação e melhora de armas, uma inteligência relativamente baixa e uma força sobre-humana.

Os Heróis do Olimpo – Outra série de Riordan, ela apresenta apenas três ciclopes que atacam os protagonistas logo no primeiro livro. Os ciclopes são Sump, Torque e sua mãe Ma Gasket. Eles são descritos como ciclopes normais e sem nada de especial, apesar de estarem por trás de vários “misteriosos sumiços” na área.

Anúncios

Um pensamento sobre “Animais Fantásticos 23# – Ciclopes

Escreva seu comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s