Indicação de Filme: O garoto de Liverpool

Desculpa gente, sei que o post de indicação de filme esta atrasado. Afinal o dia de postar ele é no sábado. Mas de qualquer forma antes tarde do que nunca!
Faz muito tempo que queria assistir “O Garoto de Liverpool”, mas com preguiça de alugar ou baixar da Internet, ele caiu em esquecimento. Mês passado depois de uma conversa sobre cinema e música com alguns amigos, descobri que um deles tem o DVD e sem duvida imediatamente fiz ele me emprestar! kkkk.
A historia contada no filme Nowhere Boy (“O Garoto de Liverpool” na tradução aqui no Brasil), é sobre nada mais nada menos do que a juventude de John Lennon. Ao contrário do que podemos imaginar, o longa metragem nos mostra toda a trajetória do britânico até chegar a banda que conhecemos tão bem: “The Beatles”.
Digo conhecemos  (independente de gostar ou não) porque se você não conhece está na hora de procurar saber que estamos em pleno século 21, e sim, existe uma coisa chamada Rock’n’roll! Talvez não saiba, mas começou aparecer na cabeça das pessoas por volta dos anos 40 e início dos anos 50.
Mas voltando ao assunto, em relação à formação da banda, pouco se fala durante o longa, o que não o deixa com cara de clichê.
Talvez esteja pensando que o filme é perfeito do tipo que assistiria todos os dias e choraria em todas elas, mas não é bem assim.
Em alguns partes o ritmo dele se tornar lento demais, o que o deixa cansativo certos momentos. Mas não fique assim, pode assistir, o cansaço é recompensando com belas cenas… Garanto.
Em relação a interpretação de Aaron Johnson como John digo que ele é simplesmente uma cópia do próprio! Não falo de aparência e sim de interpretação como tal.
Andei lendo algumas criticas que diziam que o Johnson não tinha sintonia com boa parte do elenco. Mas quando se interpreta John Winston Ono Lennon, um adolescente à flor da pele e com uma vidinha nem um pouco convencional, é a coisa mais comum que a pessoa que o interprete tente passar ao público esse certo desconforto do personagem, essa falta de sintonia da pessoa com o mundo.
Ao contrário do que se mostra nessa historia, John Lennon não era irritante e mimado, mas não é por causa disso que vamos julgar o ator por sua interpretação.
Em uma atmosfera tão cinematográfica, aonde existem milhões de filmes falando sobre o mesmo assunto, é difícil encontrar um bom, afinal as pessoas os veem e contam historias do jeito delas. Cabe a gente saber interpretá-las.
Uma coisa bem curiosa é que Sam Taylor-Wood, 43, e Aaron Johnson, 20, conheceram-se trabalhando como diretora e ator em O Garoto de Liverpool. Eles se apaixonaram e viraram alvo de escândalo na Inglaterra, por conta da diferença de idade. Mas mesmo com as fofocas, Aaron continuou sua vida ao lado da diretora e acabou tendo uma filha com ela. Ai, ai o amor! kkkkk.

Então alguém já assistiu o filme? Opiniões diferentes? Cometem.

Anúncios

Sobre Mirela Lemos

Cresceu ao som da vitrola da sua vó e o violão do seu tio, mas sempre que podia corria para se enfiar em meio ao tecidos dos vestidos que sua mãe costura até hoje. Colecionadora de historias quando não está com uma câmera na mão, está procurando palavras para escrever o que acontece ao seu redor ou que se passa em seu coração!

3 pensamentos sobre “Indicação de Filme: O garoto de Liverpool

  1. aii que fofo! *—*
    Preciso assistir esse filme, mas pra mim terei de achar pra download, na minha cidade só tem uma locadora e filmes ‘cult’ não estão na lista de locações. Só lançamentos e modinhas! -_-

Escreva seu comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s