Animais Fantásticos 11# – Fadas

Bem o tema de hoje me foi sugerido acho que na primeira semana mas eu só não tinha feito até agora por quê não percebi que têm mesmo bastante material pra trabalhar… Sente-se, acomodem-se, segurem o mouse e comecem a dar scroll, por que vou começar a falar sobre… FADAS!

O termo fada é algo que varia tanto quanto possível, elas podem ser adoráveis e também mortais, pequenas ou do tamanho de um ser-humano, podem ser bem-humoradas ou tentar arrancar seus olhos com as unhas. 😀

As fadas começaram a ser citadas logo no primeiro século depois de Cristo, pelo geógrafo Pompônio Mela. Não consigo informações corretas sobre o que ele citou, mas pode ser que estivesse se referindo a uma versão da mitologia de algum povo. Ela também foram, o que atualmente é considerado errado, citadas como as fêmeas dos elfos.

O tamanho delas geralmente depende de outro fator que é sua função. Geralmente as fadas que possuem grandes poderes e alguma participação importante no curso da natureza possuem a altura igual a de um ser humano, porém, aquelas que são apenas adoráveis criaturas que moram nas florestas tendem a ser pequenas. (Algumas vezes são confundidas com insetos.)

A convivência com os humanos e outras raças muitas vezes não depende do autor e sim da fada. Sempre existem fadas que amam tanto quanto fadas que odeiam os humanos, às vezes em proporções praticamente iguais. Mas uma coisa é sempre igual: Não importa se a fada é amigável ou odiosa, ou se é poderosa ou fraca, sempre que alguma fada odeia um humano elas conseguem transformar suas vidas em um verdadeiro inferno.

Um fato importante é que não se pode confundir fadas com ninfas, uma coisa que muitas vezes ocorre. Uma ninfa é um ser encantado que cuida da natureza, assim como as fadas, só que as ninfas estão vitalmente ligadas a determinada planta e quando essa planta morre, elas morrem junto.

As fadas marcam vários pontos diferentes do mundo da literatura fantástica, é algo sempre essencial descrevê-las. Atualmente elas também ocupam capas de cadernos de garotas pré-adolescentes, geralmente bem perto do nome do garoto que elas gostam escrito duas ou três vezes. 😀

As fadas nos livros – (Existem spoilers abaixo, então, cuidado e veja a capa antes dos livros pra saber até onde você precisa ter lido)

Harry Potter – Uma das séries que eu insisto em citar praticamente toda às vezes apresenta algumas “fadas” um tanto diferentes, os Diabretes da Cornualha. Elas não possuem virtualmente nenhum poder mágico, mas sua semelhança física com a descrição das faz é tão grande que não pode ser ignorada. Elas são pequenas, de forma humanoide, possuem asas parecidas com as dos insetos nas costas. A principal diferença é que eles adoram fazer bagunça e pregar peças nos seres humanos.

Dragões de Éter – As fadas do universo de Dracoon são de extrema importância para a natureza. São agentes diretas do semideus Criador na terra e seus poderes quase sempre não tem limite, podendo até mesmo apagar por completo a existência de um ser vivo. Muitos tempos atrás, uma fada chamada Bruja se rebelou contra o semideus e por isso foi banida e perdeu sua imortalidade. Corrompida pelo ódio, Bruja começou a ensinar à humanas com tanto ódio quanto ela a usar magias e tais magias afetaram a alma dessas mulheres cuja aparência começou a ficar deformada e horrível, elas atualmente são conhecidas como Bruxas.

GlimmerGlass – Nesse mundo criado por Jenna Black as fadas não são criaturas exatamente incrivelmente raras de se ver, já que todos sabem de sua existência. Elas vivem em uma dimensão paralela conhecida normalmente por Faerie.

As crônicas do matador do rei – Na criação de Patrick Rothfuss as fadas não são criaturas bondosas e amigáveis e quebram qualquer outro estereótipo que existisse sobre elas. Eles são conhecidos como o “Povo encantado” e vivem em todo um outro mundo. A diferença que existe entre cada ser do Povo encantado é imensa, entre eles estão inclusos: Ctaeth o ser que aparece em forma de árvore e sabe definitivamente tudo sobre todas as coisas e que no geral usa esse conhecimento para causar toda a destruição e dor possíveis. Feluriana, a bela mulher que vive seduzindo e drenando toda a energia vital dos homens que tem o azar (Ou sorte) de encontrá-la na floresta. Bast, o ajudante talvez não tão fiel de Kvothe na pousada Marco do Percurso. Todos os seres do Povo encantado é vulnerável geralmente a duas coisas: Fogo e ferro puro.

A Batalha do Apocalipse – As fadas são rapidamente citadas por Spohr como sendo um dos seres que vivem em um plano alternativo além do alcance humano.

(Piadinha: O Edward Cullen não é um vampiro, ele brilha, mora na floresta e dá lições de moral. Ele também é uma fada. 😀

Aguardo as ameaças de morte…)

Anúncios

5 pensamentos sobre “Animais Fantásticos 11# – Fadas

  1. Achei muito interessante essa ideia de falar mais um pouco de seres fantástico, ainda mais as fadas, que são as que mais possuem espaço na Literatura (afinal, temos até “Contos de Fadas”). Um dos primeiros livros sobre esse assunto que me interessou foi o Livro de Fadas prensadas (senti falta de uma menção a ele, hehe), acho que li quando estava na terceira ou quarta série do ensino fundamental.

    Enfim, gosto muito de fadas ^^ E também acho que o Edward Cullen é uma fada (embora não seja mesmo tão fã de Crepúsculo).

    Abraços!
    http://ninanoespelho.blogspot.com

  2. gosto bastante quando sai esse post, eh bem lgl acompanhar de onde surgiram esses seres que sempre dao as caras em milhões de livros! mais uma vez o post tah otimo, soh achei as piadinhas desnecessárias… =]


    hangover at 16

  3. Eu também sempre leio a coluna e adoro!!
    E COMO AMO FADAS, adorei =)
    Já estou ansiosa para o próximo! hahha…

  4. Adorei a piada sobre o Edward, ele é mesmo um vampiro muito estranho e surreal. Acho que Stefanye Mayer quis enovar o mito dos vampiros quando fez com que eles brilhassem, mas não deu muito certo. Ao contrário do autor de Diários do Vampiro que escreveu que os vampiros são vulneráveis à verbena. Eu também tenho um blog e sei que não é fácil obter pesquisa séria e relevante sobre determinado assunto. Mesmo assim, queria que vcs mostrassem as pessoas que muita coisa que os filmes e livros sobre fadas estão em parte errado. Elas não são tão boazinhas como contam.Inclusive raptam crianças, sabiam? seria legal postarem isso. Bjs.

Escreva seu comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s