Resenha: Pacto Secreto

A primeira vista – ou lida de sinopse -, o livro impressiona pela premissa: uma jovem que, coberta de culpa, tenta decidir se fará ou não um pacto com o diabo. As escolhas dos personagens muitas vezes deixam o leitor tão frustrado quanto ele prórprio. Vários livros abordam, mesmo que em poucas e curtas partes, escolhas que o personagem deve tomar para seguir em frente. E isso ocorre pois é normal ter de escolher entre duas ou mais opções. Certas situações nos deixam num terrível cruzamento com muitos caminhos possíveis e só uma pergunta: Qual direção tomar ? Os dilemas seriam escolhas mais profundas, o que eu acho que seria mais o caso de Valentina, a protagonista de Pacto Secreto, que não só mudam um momento, mas podem mudar várias coisas – ou vidas – e até mesmo tudo a partir dali. Passar para o leitor a frustração de uma terrível dúvida, ao menos ao meu ver, depende, na maior parte, do personagem que cabe a decisão. E Valentina é, para mim, confusa e bipolar – além de fraca demais para ser a protagonista – para formar a dúvida cruel que a premissa propõe. Além disso, também esperava que o livro fosse mais um pouco sombrio, já que falamos do coisa ruim e seus enviados infernais. Mas, apesar de não satisfazer minhas espectativas iniciais, Pacto Secreto é somente nada do que eu esperava. E por mais que o enredo – salvo certas partes – não tenha me impressionado muito, deixou um gancho muito legal para a sequência ( Prazer Secreto ), que já foi escrito, mas ainda não publicado.

Valentina é uma jovem muito rica que perdeu seu pai e vive com a mãe e a irmã gêmea. Fã de cavalos rebeldes, ela sempre monta nesses animais arredios em sua fazenda. Certo dia, decide trocar de cavalo com sua irmã, que montava no mesmo animal manso de sempre. Acontece que o quadrúpede a faz sofrer um acidente que a deixa tetraplégica. E, mesmo três anos depois, Valentina ainda se culpa pelo ocorrido. Rezou aos céus e até ajuda ao diabo pediu, tudo para terminar com seu remorso que lhe corroe. E adivinha quem apareceu ?

Um enviado demôniaco, que é um homem muito belo  e sedutor, a encontra, explicanndo aque o diabo tem interesse em atendê-la. Tudo o que ela precisa fazer é assinar um pacto com os seguintes termos: ela o serve quando ele precisa de seus serviços e, em troca, realiza todos os seus desejos. O enviado afirma que, diferente de todos os boatos que se ouvem, o diabo nada tem de cruel e enganador, mas, Valentina, com a pulga atrás da orelha, não vai na onde e acaba pedindo um tempo para se decidir.

Como comentei anteriormente, Valentina é uma personagem que não me agradou. Apesar de boa, ela é a gêmea mais maliciosa e esperta, e fica alternando entre boazinha e malandra. Não sei se foi o modo como ela foi construída ou para mim essas duas personalidades não caminham juntas, o fato é que não gostei dela, principalmente como protagonista. Porém, para o final do livro, ela toma mais um rumo específico e, na sequência, é provável que ela esteja de um lado só.

Longe de um ensaio sobre a escolha de Valentina, o livro segue uma trilha de suspense quando a personagem principal passa a procurar por informações e encontra mais do que deveria. O diabo, não tão atencioso quanto o enviado declara, parece querer a alma de Valentina. E vários de seus servos estão atrás dela também. Ela deve decidir o que fazer, mas não pode vascilar, pois vários estão ao seu redor, forçando acontecimentos, tornando a escolha cada vez mais difícil e a situação cada vez mais perigosa.

Como Matched ( Destino ), Pacto Secreto tem um gancho final impossível de não se levar em conta. Eliane deixa para o próximo livro uma premissa espetacular, nada menos que imperdível. Só gostaria de observar também que os diálogos parecem forçados demais. Ficariam melhores se fossem colocados de forma mais natural.

Agora, basta aguardar pela publicação de Prazer Secreto.

Acesse o site do liivro e saiba mais sobre a saga, a obra e a própria autor:

http://pactosecreto.wordpress.com/

Anúncios

Sobre Victor

Gosto de cheiro de livros novos e de biblioteca com livros velhos, de livros ( dessa vez das letras mesmo ), de chocolate, de escrever, de ficar no computador, de dias frios com céu bonito, de ir ao cinema, passear no shopping com os amigos e de viajar. Ensino inglês e um dia ainda quero publicar alguma coisa. Bolsa Amarela, Harry Potter e a pedra filosofal , Entrevista com o vampiro e Crônicas de uma namorada são meus livros favoritos. Perdi a conta de quantas vezes vi "A Múmia". Quanto às séries que gosto, sempre mudo. Elas têm suas temporadas e eu tenho as minhas.

2 pensamentos sobre “Resenha: Pacto Secreto

    • Aham =) E descobri recentemente que a continuacao tem outra continuacao, ou seja, temos uma trilogia \o/
      Ah, obrigado, fico feliz que tenha gostado da resenha.
      Bem, nao deixe de dividir sua opiniao conosco quando lê-lo 🙂

      Beijos,

      Victor

Escreva seu comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s